Projeto de renúncia fiscal em favor do JOCOPAR foi aprovado pelo Ministério do Esporte. Empresas que apuram pelo “lucro real” podem destinar até 1% do IRPJ